Animout / Sarah Regina

animout-sarah-regina

Olá a todos os tsbfãs! Retornamos nesta quinzena com nossa primeira edição do Animout em 2013. Esta postagem deveria ter sido realizada em maio deste ano, mas, por algumas eventualidades, não foi possível postá-la antes. Seja como for, esta está longe de ser só mais uma edição deste tópico reservado à carreira dos artistas fora do universo dos animes. Esta é, sem dúvida, uma das edições históricas de nossa postagem, afinal de contas, trazemos com imenso orgulho uma das maiores (se não a maior) diva das canções de animes aqui no Brasil. Tsb anime orgulhosamente apresenta Sarah Regina.

Trabalhos no universo dos animes

* Angel, a menina das flores – Flor de sete cores – Abertura (Tsb Turminha Zig zag) (1983)

* Dragon Ball Z – Magnífico poder (Zenkai power) – Encerramento (1999)

* Fábulas da floresta verde – Abertura (Versão LP Criança Alegria) (1985)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Poderes Mágicos – Encerramento (Cd Guerreiras Mágicas de Rayearth) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Amigas guerreiras (Cd Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Anne (Tsb Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Lucy (Tsb Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Marine (Tsb Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – O Exterminador de Sonhos (Tsb Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Guerreiras Mágicas de Rayearth – Vento, Fogo e Mar  (Tsb Guerreiras Mágicas de Rayeath) (1996)

* Luluzinha – Abertura (Tsb Turminha Zig zag) (1983)

* Os cavaleiros do Zodíaco – Marin (Tsb Os Cavaleiros do Zodíaco) (1995)

* Os cavaleiros do Zodíaco – Shina (Tsb Os Cavaleiros do Zodíaco) (1995)

* Sailor Moon – A lenda da luz da lua (Moonlight densetsu) – Abertura (1996)

* Sakura Card Captors – Pra ver você (Ashita e no Melody) – Encerramento (filme 2)  (2000)

* Super Campeões – Campeões (Tsb Super Campeões) (1998)

* Super Campeões – Carlos & Oliver (Tsb Super Campeões) (1998)

* Us mangá – (1998)

Um pouco de Sarah Regina

Sarah Regina é um dos nomes mais importantes do cenário musical voltado para obras dubladas no Brasil. Essa incrível artista gravou centenas de obras neste segmento (séries, filmes, animes, novelas e outros) ao longo de mais de 3 décadas de carreira. Ao lado do genial Mário Lúcio de Freitas, Sarah fez parte de uma parceria que entraria para a história deste segmento musical na tv brasileira, deixando, desta forma,  um rastro de sucesso por onde passavam.

Traçamos abaixo uma linha do tempo da carreira solo desta incrível artista fora do universo das animações japonesas.

Anos 70 (início) – Sarah começa sua carreira cantando profissionalmente com seus irmãos num grupo chamado SOM EM 9, mas sua projeção nacional se deu após se apresentar num programa de calouros do Silvio Santos. Anos depois, Sarah lança um compacto chamado A última dança, que continha versões em português de sucessos internacionais da música Disco, como “Um dia a nascer (A whiter shade of pale), A última dança (Last dance) e Carwash (I wanna get next to you)”;

 

Anos 70 (final) – No final da década de 70, Sarah Regina grava Amor bandido e O estranho, ganhando de vez os palcos de programas de TV com o sucesso destas canções lançadas em um compacto;

1981 – A década de 80, por sua vez, traria ainda mais sucessos na carreira desta cantora. Em 1981, Sarah participou do Festival MPB Shell, cantando a música Lua nova;

 

1982 – Sarah alça novos voos, com o lançamento do lp Felina, contendo tema em MPB e trazendo o tema de abertura da novela Os ricos também choram (SBT);

1984 – Sarah segue pela década de 80 colecionando sucessos na área de canções para dublagens e em 1984 participa do álbum da novela infantil Chispita, conquistando o coração do Brasil com sua voz doce e afinada;

1986 – Sarah Regina grava a música Algodão doce, junto com sua sobrinha Meiriane, canção que integra o lp No mundo da criança, coletânea com vários artistas da época;

1987 – Sarah participa do lp Show Rock com a banda Shangri –La com a faixa Beijinhos,beijinhos, tchau, tchau; coletânea lançada pela Som Livre que reunia artistas famosos como Lulu Santos, Biquini Cavadão, Paralamas do Sucesso, entre outras;

1989 – Dois anos depois Sarah empresta seu talento a dois temas que fariam parte das trilhas sonoras internacionais de dois grandes sucessos das telenovelas da Rede Globo. Cantou as canções Closer wish (O salvador da pátria) e fez parte de Les chemins d’amour (Que rei sou eu?);

1990 – Um ano depois, o talento de Sarah marca presença em mais uma novela global com a canção Inside of you, integrando a trilha sonora internacional da novela Rainha da sucata; no mesmo ano, foi lançado pela Som livre o cd/lp Cantando a tabuada, com Sarah toda didática, ensinando a tabuada através da música;

1991 – Sarah segue colecionando sucessos e inicia a década de 90 com a canção Tea for two, tema da novela Salomé; curiosamente Sarah utiliza o pseudônimo de Sarah Johnson, ao invés de Sarah Regina para este trabalho; Sarah segue pela década de 90 fazendo gravações para o segmento da dublagem.

 

1997 – Junto a grandes artistas da música pop como Shakira, Laura Pausini e Thalia, Sara Regina participa e representa o Brasil no Festival Viña del Mar, no Chile; este é foi um ano decisivo na vida desta artista, pois é aqui que se encerra sua “carreira” como cantora solo. De certa forma, a carreira de Sarah Regina se confunde com a dissolução de seu casamento com Mário Lúcio de Freitas e com o fim da Gota Mágica;

2003 – Sarah ressurge  cantando o tema da novela Betty, a feia (Rede Tv), esbanjando, mais uma vez, talento e afinação; tal tema musical fez parte da trilha sonora brasileira da novela, lançada em cd.

Alguns de seus trabalhos fora do universo dos animes

Sarah Regina – Deixe Todo Esse Amor Prá Depois (1978)

Sarah Regina – Aconteceu (1978)

Sarah Regina – A Noite se Vai (1978)

Sarah Regina – Amor Bandido (1979)

Sarah Regina – Cidade Maravilhosa – I Love You Rio (versão compacto) (197?)

Sarah Regina – Felina (1982)

Sarah Regina – Tenho sede (Can’t take my eyes off you) (1982)

Sarah Regina – Sistema (1982)

Sarah Regina e Mário Lúcio de Freitas  – Socorro de novo (1982)

Sarah Regina – Sombras (Os ricos também choram) (1982)

Sarah Regina – Anjo Bom (Chispita) (1984)

Sarah e Meiriane – Algodão Doce (1986)

Shangri-lá – Beijinhos, Beijinhos, Tchau, Tchau (1987)

Leon Bishop & Sarah –  Closer wish (O Salvador da Pátria) (1989)

Howard Thomas & Sarah Bishop – Inside of You (Rainha  da Sucata) (1990)

Sarah Johnson – Tea For Two (Salomé) (1991)

Sarah Regina – Viva a Bahia (1997)

Sarah Regina – Se falam de mim (Betty, a feia) (2003)

Fotos

animout-sarah-regina-2

Sarah regina

227296_202904409744959_1445685_n

Tsb anime. Rumo ao maior espaço nacional de músicas brasileiras de animes.

15 comentários em “Animout / Sarah Regina

  1. Voz incrivel. Lembro de ser a primeira voz que me emocionou qdo criança, aos quatro anos, ao assistir “Fábulas da floresta verde”. Não sabia de todos estes trabalhos. Ela merece a homenagem e todo reconhecimento. Talento maravilhoso.

    1. Olá, Alle. Na verdade, não inserimos os trabalhos da Sarah envolvendo cartuns ou outras produções relacionadas à dublagem, já que o foco desse tópico é falar, justamente, o que o artista fez além desse tipo de trabalho!

  2. Tsb Animes sempre detonando nas postagens cara trabalho sensacional este ue vcs fizeram apresentando a GRANDE Sarah Regina muita informação obrigado.

  3. Eu não sabia que era ela que cantava A lenda da luz da lua (Moonlight densetsu). Obrigado Sarah. E obrigado TSB pela postagem.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s